Ele Não Está Tão A Fim de Você

posterEnfim, ouvi Friday I’m in Love no cinema.

Enfim eu vi a Jennifer Aniston com pés de galinha no rosto, a Drew Barrymore fazendo papel de uma garota que só consegue ter relacionamentos virtuais, o Ben Affleck sendo perfeito e bonzinho e distorcendo toda a realidade. A a Scarlett Johansson fazendo a parte pornô do filme (se tivesse alguma). Vi a Jennifer Connelly, a terceira mulher mais bonita do mundo, se dando mal. Antes de ver o filme eu já tava torcendo por ela porcaria!

Vi a Ginnifer Goodwin e o Justin Long fazendo o casal mais perfeito do filme, e mais desgraçado, porque a coisa foi FORTE. Ok, talvez o filme tenha me pego numa fase meio problemática em relação a pretendências não correspondidas, mas eu fiquei muito babaca.

Uma coisa meio “me deixa aqui com a minha pretendência platônica, porcaria!”.

O filme responde sua pergunta: ligar ou não ligar para ele? NÃO. Em poucos segundos de filme, o público-alvo (eu) já foi conquistado. Antes de eu assistir o filme, minha supervisora disse que assistiu com uma amiga que tinha acabado de se separar. Cara, ela ia casar (ohjesuswhy?) e saiu de lá meio boba. Tomara que ela não tenha saído de lá achando que era a “exceçãO” (quem assistiu entendeu).

As histórias das garotas são completamente diferentes. A Gigi (Ginnifer Goodwin) que não sossega e arranja milhares de encontros o tempo todo para tentar encontrar o cara certo (cara,como ela consegue?). Um cara bem bobão que acha que vai ficar com a amiga gostosona (quepareceatrizporno). E essa amiga gostosona bobona que acha que um carinha safado que ela conheceu no mercadinho da esquina vai largar a mulher e ficar com ela. Ai tem a mulher desse cara, a Janine (Jennifer Connelly) que ouve a Gigi encher o saco o dia inteiro com essa história de encontros. E a Rachel (nem lembro o nome dela no filme, mas quem não sabe quem é a Rachel do Friends?) que pega o Neil (Ben Affleck) há 7 anos e agora quer se casar, e adivinha, ele não. Tem ainda o Alex (Justin Long) que vai “ajudar” (vaipegarela) a Gigi e a menina da internet que só consegue ter relações on-line. Fiquem nos créditos para ouvir Friday, I’m in Love.

O que o filme me ensinou: que eu não sou uma exceção.

* A cena do Alex na porta do apartamento da Gigi enquanto a música de fundo é Keane com “Somewhere Only We Know” é do mal.

Anúncios

4 comentários em “Ele Não Está Tão A Fim de Você

  1. Ééé…eu ouvi na propaganda na TV…isso que me deu vontade de ver o filme. Não vi ainda, compensa?

  2. Eu fui só porcausa da música, quando meu amigo falou eu entrei em choque! Mas o filme é bom sim, meus 8 reais foram bem gastos na minha opinião.

  3. A Rachel com pés de galinha? :O enfim podemos saber que ela é uma simples mortal como nós u.u’
    Ainda não assisti o filme, mas tô com muita vontade, e pelo que vi parece ser bom x)
    E Friday, I’m in Love na minha opinião, é a melhor música di Cure (pelo menos a que eu mais gosto) xD

So what?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s