Wires

Domingo, enquanto eu estava vendo Avatar com uns amigos, minha fita velha de Aparecida do Norte que eu tinha amarrada no braço rasgou. Eu não pensei muito no assunto, e só amarrei ela na cadeira da casa do meu vizinho, e deixei lá. Ontem eu lembrei dos três pedidos que eu tinha feito, quando amarrei ela no meu pulso:

– Conseguir entrar na área de desenvolvimento
– Ficar rica (para mim, ser rica é ganhar o suficiente para comprar um monte de camisetas na galeria do rock)
– E o terceiro pedido.

Os dois primeiros se realizaram, mas não entendi porque a fita rasgou se os três deveriam ter se realizado. Foi ontem a noite então que eu percebi que talvez o terceiro também tenha se realizado naquela hora.

Eu sempre fiz cálculos. Principalmente com o tempo, meu maior medo sempre foi perder tempo. Tenho vontade de terminar a faculdade em dois anos, mesmo sabendo que eu não vou conseguir. Tenho vontade de ter um cargo alto em pouco tempo de carreira. De morar sozinha logo, como eu consegui há uns dois anos. É uma pena que nesse caso eu tenha travado. E não tenha descoberto o jeito certo de agir. O tempo parou quando você pegou na minha mão, enquanto você falava, ou enquanto me abraçava. O tempo parou quando eu comecei a te olhar. O tempo parou enquanto eu começava a pensar em coisas sem sentido como pensar que o seu nome é extremamente legível e fácil de escrever. E esse tempo parado não me incomodou. Eu fiquei perdida no meio das suas pequenas notas, quando você cantava para mim. E eu acho que é por isso que deu tudo errado. Porque eu esqueci do tempo que eu estava perdendo sem te dizer tudo isso. Então eu perdi tempo acelerando tanta coisa e parei quando eu tinha que realmente acelerar algo.

Eu me pergunto porque você parece que sempre fez parte da minha vida. Porque eu sempre quero saber mais, saber tudo. Saber em que momento você está, o que você está pensando. Provavelmente você nem sempre tem uma opinião, porque não é possível se ter opinião para tudo, mas eu sempre quero saber qual é.

Eu não preciso de muito de coisa alguma, mas por algum motivo eu precisava de um monte de você. É uma pena que não tenha funcionado, e de certa forma que meu terceiro desejo tenha se realizado.

Running down corridors, through automatic doors, got to get to you, got to see this through
I see is hope is here, in a plastic box. I’ve seen christmas lights, reflect in your eyes.

Down corridors, through automatic doors, got to get to you, got to see this through.
First night of your life, curled up on your own.
Looking at you now, you would never know

Anúncios

2 comentários em “Wires

  1. Eu sempre tive uma teoria sobre essas fitinhas. Elas são feitas para resistir tempo suficiente pra você esquecer dos desejos. Assim continua acreditando nelas e sustentando esse louco mercado de fitas coloridas.

    Eu sempre procuro pedir a mesma coisa. Vez ou outra me esqueço do que pedi, mas já percebi que meus desejos nunca se realizaram. Acho que estou dando uma chance enorme para as fitas me satisfazerem e finalmente darem um tapa na minha cara.

    Mas uma coisa é certa, eu nunca fui abduzida. Então pode ser que elas gastem meus três desejos em apenas um, me mantendo livre de ETs.

    Mas o conselho que eu tenho é: só acredite em supertições enquanto elas estiverem trabalhando a seu favor e for conveniente pra continuar feliz. Não desista de nada porque uma fitinha te falou que isso é o que deve acontecer e ponto.

  2. É que tudo se realiza ao seu tempo certo, e muitas realizações se realizam de maneira diferente ao que imaginamos. Vale olhar com outros olhos, procure uma boa razão para as coisas, as coisas só não acontecem quando não queremos que elas aconteçam. Meu final de semana foi ótimo, e o seu? B.

So what?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s